Supercopa: datas da final entre Nóia e São José

Novo Hamburgo  e São José são finalistas da Copa Caçapava, a copa da região Metropolitana. O primeiro encontro entre ambos foi marcado para o domingo, a partir das 17 horas, no Estádio do Vale. O jogo da volta será realizado dia 06 de novembro no Passo D’Areia, na capital gaúcha.

CLASSIFICAÇÃO DO SÃO JOSÉ

Nas semifinais, o zéquinha encarou o Igrejinha e fez o primeiro jogo fora de casa, quando conquistou um empate sem gols no Estádio Carlos Schwingel. O tira-teima foi realizado no dia 15, no Passo D’Areia, com goleada do São José por 4 a 0. Na ocasião, marcaram Rafinha, Bindé, Carrilho e Jean.

CLASSIFICAÇÃO DO NÓIA

Um clássico do interior gaúcho movimentou o grupo na semifinal. Novo Hamburgo e Aimoré abriram a corrida por uma vaga na final no reduto do índio capilé. Contudo, quem comemorou foi o anilado, que fez 1 a 0 no rival. O segundo encontro, ocorrido no sábado, dia 22, sacramentou a classificação do Novo Hamburgo. No Estádio do Vale, o time da casa ganhou por 2 a 1. Márcio Jonatan fez o primeiro gol do jogo, a favor do Nóia. Raul empatou para o Aimoré, mas Celsinho garantiu o triunfo.

Houve confusão durante o jogo. A arbitragem não agradou. Os gols do Novo Hamburgo saíram em cobranças de pênalti. O primeiro, principalmente, foi alvo de grande polêmica. Quando o segundo foi marcado, os ânimos esquentaram. Tanto que o apitador Anderson Farias esteve na iminência de ser agredido pelos jogadores do Aimoré.

Claiton dos Santos, treinador dos “indígenas”, se emocionou ao conceder entrevista, porém, reclamou da atuação da arbitragem e também garantiu ainda que seguirá melhorando seu trabalho como treinador.

Já tenho agendado um estágio com o técnico Paulo Autuori. Tenho humildade para saber que a gente tem que estar sempre aprendendo”.

O presidente André Schu também falou da arbitragem.

A derrota eu acho que passou pela arbitragem. O primeiro pênalti eu não vi, mas eles [árbitros] estão sujeitos a errar, não acho que foi má fé (…) Agora vamos começar a pensar em eleição. Eu vou indicar o Paulo Costa e começar a pensar no trabalho para o ano que vem”.

Do outro lado, o técnico Benhur Pereira elogiou a postura do torcedor.

A torcida apoiou. Claro que é um clássico, mas é isso que nós queremos. O Novo Hamburgo vai crescer com a presença do torcedor. E eu disse para os jogadores: por mais que se lute fora de campo, o jogador tem que ajudar. Vencendo, o torcedor vem e os investimentos vem”.

Na mesma entrevista, Benhur externou sua preferência por fazer o segundo jogo da final em casa por conta da torcida. Não será possível. O jogo da volta é no Passo D’Areia.

Álvaro Scherer, vice de futebol do Nóia, disse que não acredita que seguirá no cargo no Gauchão em 2017, mas permanecerá ajudando o clube em outras funções:

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s