O final de semana do futebol Sul-Americano

Faz muito tempo que não escrevo sobre futebol sul-americano aqui no blog. MUITO tempo mesmo. Então, vamos a algumas curiosidades do final de semana pela América Latina.

A primeira é a desclassificação do Atlético Nacional de Medellín no Clausura colombiano. O time que virou queridinho do Brasil (com muito merecimento) foi eliminado para o Santa Fé nesse domingo, dia 11 de dezembro, na semifinal. Depois de empatar por 1 a 1 com o rival fora de casa, levou 4 a 0 no jogo da volta no Atanásio Girardot. Não importa muito. O verdolaga jogou com os garotos da base nesse confronto, já que os titulares foram ao Japão disputar o mundial de clubes. Aliás, a estreia do Atlético Nacional no Mundial é nesta quarta-feira, 14, contra os japoneses do Kashima Antlers, às 8h30min. Voltando ao torneio sul-americano, na final, o Santa Fe duelará contra o Tolima, que passou pelo Bucaramanga nos pênaltis. Na ida, levou 1 a 0. Em casa, ganhou 2 a 1. Com o empate por 2 a 2 no placar agregado, a decisão do classificado ocorreu da marca da cal. Dali Tolima fez 4 a 2 e avançou.

Na Argentina, holofotes para o Superclássico. No Monumental de Nuñez, brilhou Carlitos “segura la Niña” Tévez e o Boca Juniors derrotou o rival por 4 a 2. Quem saiu na frente foi justamente a equipe xeneize, com Walter Bou (assistência do Tévez). Driussi e Alário ainda viraram o placar para o River Plate. Contudo, Tévez marcou dois gols para fazer River 2, Boca Juniors 3. Já nos acréscimos, Centurión decretou números finais e garantiu a comemoração a hinchada do Boca, que é líder do certame local com 28 pontos. Na sequência, aparecem Estudiantes e San Lorenzo. Nessa rodada, o Estudiantes perdeu por 3 a 2 para o San Martín e o San Lorenzo derrotou o Union Santa Fé pelo mesmo placar.

Teve volta olímpica no Paraguai. O Guaraní entrou na penúltima rodada precisando dum triunfo qualquer para ser campeão. Conseguiu ao superar o Luqueño por 3 a 0 e chegar aos 48 pontos. O Olímpia estava em seu encalço e até fez sua parte. Recebeu e General Díaz e também ganhou por 3 a 0. Entretanto, as três unidades conquistadas o levaram a somente 44 pontos. Ou seja, mesmo que vença o próprio Guaraní na rodada restante, fica um ponto atrás na classificação. Seria “lindo” se o Guaraní tivesse tropeçado, já que na rodada decisiva teríamos um confronto direto na briga pelo título na casa do time aurinegro. Porém, o Guaraní evidentemente não quis correr esse risco e deu seu jeito para finalizar o campeonato nesse final de semana. Foi o 11º título aborígene. Guaraní, Olímpia e Libertad representarão o Paraguai na Copa Libertadores 2017. O sorteio dos grupos ocorre dia 21 de dezembro.

Outra volta Olímpica: o Nacional do Uruguai derrotou o Boston River neste domingo, dia 11 de dezembro, por 1 a 0, e comemorou o campeonato. O tento foi de Sebastián Fernández. Com o resultado, o tricolor chegou a 34 pontos. A equipe, porém, precisava somente dum empate para a conquista.  Na briga estava o Montevideu Wanderers, que empatou por 1 a 1 com o Rampla Juniors fora de casa. Quando a rodada começou, a diferença entre ambos se resumia a três pontos. Dessa maneira, se o Nacional perdesse e o Wanderers ganhasse, haveria igualdade em pontos. Aí uma partida tira-teima seria disputada quarta-feira, dia 14. Não foi necessário. Mas o Nacional entrou na disputa pelo título devido a incidentes lamentáveis. Uma rodada do certame uruguaio foi suspensa devido a briga no clássico entre Nacional e Peñarol. Como esse incidente violento foi ocasionado por torcedores aurinegros, o Peñarol foi julgado e o Decano recebeu os três pontos do embate, aproximando-se da ponta da tabela. Em relação a classificações, Peñarol, Nacional, Cerro e Wanderers vão para a Libertadores e Danúbio, Defensor, Liverpool e Boston River para a Sul-Americana 2017.

O torneio Abertura Chileno finalizou ainda no sábado, dia 10, com triunfo do Antofagasta, na condição de visitante, por 3 a 0 sobre o Éverton. A taça, porém, já havia sido conquistada pela Universidad Catolica no dia 08, quando venceu o Deportes Temuco fora de casa por 2 a 0. Com a conquista, os católicos são presença garantida na Libertadores 2017.

Pelo peruano, o primeiro jogo da final foi realizado neste domingo, 11. Sporting Cristal e Melgar empataram por 1 a 1. O jogo da volta foi agendado para o dia 18, próximo domingo, às 18h30min.

Por fim, o Zamora derrotou o Zulia por 2 a 1 nesse domingo (11) e sagrou-se campeão Venezuelano. Na ida da Superfinal, o Zamora já tinha vencido pelo mesmo marcador. Os finalistas foram campeões dos torneios Abertura e Encerramento. Enquanto o Zamora foi o vencedor do primeiro semestre, o Zulia foi campeão do segundo. Foi a terceira conquista do Zamora desde sua fundação em 2002. O time já havia conquistado o País em 2013 e 2014. Além dos superfinalistas, Carabobo e Deportivo Táchira também vão figurar na Libertadores do ano que vem.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s